quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Pensamentos dentro do ônibus

   Estou dentro do ônibus. Pessoas, casas, carros, árvores e apartamentos passam por mim. Ou sou eu quem passa por eles? Às vezes me pego devaneando, pensando em coisas que muitas pessoas nem devem cogitar pensar. Mas não é sobre isso que eu quero falar.

   Novembro já foi embora. E o último mês do ano está aí. Lembro-me das promessas que fiz há quase 1 ano atrás e não cumpri. Pois é. Entra ano, sai ano e nunca cumprimos tudo o que prometemos. Por que será? Será que é culpa do comodismo ou dos dias que passam rápido e mal temos tempo para respirar? Será que é medo de mudar, sair do lugar comum? Ou das pessoas que estão sempre ali, prontas para nos fazer desistir? Não sei vocês, mais eu fiz algumas promessas e não cumpri. Por comodismo, falta de tempo e organização, por querer curtir muito o momento e não se preocupar com o depois. Me arrependo, mas aprendi a lição. E disso eu não abro mão. Aprendizado nunca é demais.




   Sempre que o fim de ano chega faço um balanço da minha vida, do ano que tive. 2013 foi um ano razoável. E quando eu temos um ano mediano ficamos com medo de esperar demais do próximo, né? Bem, eu não. Isso me dá garra e determinação para eu fazer do próximo ano o melhor da minha vida. Se depender de mim 2014 será tão bom quanto 2012 (o melhor ano da minha vida!!).

   Chega de perder tempo com besteiras. A palavra de ordem será Foco. Quero estar focada em minhas metas. Quero dar o meu melhor em tudo o que eu fizer. Quero fazer o tempo trabalhar a meu favor. Mas também não quero pirar se algo não sair como eu quero. Imprevistos acontecem, né mesmo?

   Desci do ônibus e peguei outro. A chuva se faz presente mais uma vez. Quando esse post for pro blog eu já estarei em casa brincando com a minha gatinha, Bella e com outros pensamentos na cabeça, mas eu não podia deixar esses pensamentos serem só pensamentos. Eu tinha que transformá-los em palavras, em post, em leitura pra vocês.

   Enfim. Continuo fazendo meu trajeto pra casa ao som de Lacuna Coil. Conhecem? Acredito que a maioria sim, mas quem não conhece pode ficar tranquilo. Em breve sairá um post sobre essa banda que eu tanto amo. Até lá, fiquem bem!

   Beijos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário